quinta-feira, 16 de julho de 2009

UMA PARTE DE MIM

Um pouco de mim
sempre volta
Um pouco de mim
só se afasta
Um pouco de mim
é derrota
portanto no fim
me desgasta

Um tanto de mim
vai à luta
Um tanto de mim
se encosta
Um tanto de mim
sempre surta
Este tanto é assim
nem se mostra

Um pedaço de mim
é passado
Um pedaço de mim
incerteza
Um pedaço de mim
é vontade
apetite, sei lá
sobremesa

Um bocado de mim
é desejo
Um bocado de mim
é paixão
Um bocado de mim
basta um beijo
Um bocado de mim
basta não

Tem muito de mim
que eu conheço
Outro tanto, porém
ignoro
Esta parte é o meu
próprio avesso
Mesmo alegre, às vezes
eu choro

3 comentários:

Luca disse...

Nossa! Lindo!
Estranhamente próximo.
ótimamente (inventei) estranho!
Beijo

Lau disse...

Olá Nelson!!! Tudo bem? Quanto tempo... Lindo seu poema, Nelson. Tim-tim. rs Adorei!

Um beijo pra vc e para a família.

Vicky disse...

Caro amiGO,
Como participante do ReUnidos AmiGOs voce é especial para nós. Sinta-se a vontade para adicionar o nosso banner no seu blog e venha participar mais ativamente dessa comunidade que foi feita para promover a nossa reUniao. http://enjeitadosdogo.blogspot.com/